terça-feira, 8 de novembro de 2011

Bicicleta — meio rápido de locomoção

Vitória-ES, a bicicleta é o meio mais rápido de locomoção 



Assim como ocorre em diversas outras grandes cidades, a bicicleta continua a ser a maneira mais rápida de se locomover em Vitória-ES, tanto na Cidade Alta no Centro, quanto na parte mais nova da cidade. Isso é o que constatou Felipo Locoselli que todos os dias utiliza sua bicicleta para se deslocar do Bairro Jardim Camburi até o centro de Vitória, nas proximidades do Parque Moscoso onde trabalha. Felipo mediu ao longo de uma semana o tempo gasto em sua locomoção até o trabalho de ônibus, carro e bicicleta. 



O objetivo de Felipo foi verificar, em uma rota estabelecida de 15 km, no horário em que se dirige ao trabalho (horário de pico nos dias úteis), a jornada com diferentes meios de transporte. 

Segundo Felipo o caminho realizado pelo ônibus para chegar ao seu trabalho, além de ser aproximadamente seis quilômetros mais longo, demora em média 65,7 minutos para ser percorrido. Ainda segundo as medições do ciclista, chegar ao seu trabalho utilizando o automóvel percorrendo 16,5 km levou 43,3 minutos, isso sem levar em conta o tempo gasto para conseguir estacionamento. 

Já na semana em que o rapaz utilizou a bicicleta para se deslocar até o trabalho, não mais que 31 minutos foram necessários para que ele chegasse até o trabalho. Isso sem enfrentar transtornos com engarrafamento e dificuldade para encontrar estacionamento, fora o belo visual da bahia de Vitória que acompanhou o rapaz pela maior parte do percurso. 

Segundo Locoselli, para quem se desloca utilizando a beira mar a estrutura em ciclovias é muito boa e vem melhorando a cada dia, mas no centro da cidade e nas demais regiões da Grande Vitória a estrutura para quem se desloca em bicicleta é precária ou inexistente. 

O teste realizado por Felipo Locoselli em Vitória-ES apenas confirma o que muitos outros testes realizados em diversas outras cidades do Brasil já confirmaram. A flagrante necessidade de investimento em melhorias na qualidade do transporte público, além de investimentos em outras formas de locomoção como é o caso das bicicletas.

Exibir mapa ampliado

Nenhum comentário: