segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Pedalar é muito bom, mas há as roubadas...

adrian elite Ver Drop Down
Por falar em cachorros alguem tem alguma fórmula pra se livrar deles ontem mesmo quase cai, veio um de um lado e dois do outro ao mesmo tempo, não sabia se pedalava se chutava o do lado direito ou o esquerdo; tive sorte de escapar ileso.

Mafu
Ver Drop Down
Listo as três piores pra mim:
- Naquele dia que você errou o caminho da trilha que teria 30 km e se transformou em 70 km, voltando pra casa com fome e sede, nos últimos 5km que são de asfalto, um vento contra de 40km/h te castiga. Pra "ajudar" ainda tem o vácuo das carretas em sentido contrário, que te trazem dos seus sofridos 15 km/h para apenas 8 km/h.
- Na trilha que te indicaram, você erra um entrada e acaba rodando 60km pra achar o caminho de volta. Aí bate uma hipoglicemia em local sem recursos. Suas pernas doem tanto que nem faz diferença usar coroa pequena ou grande mesmo nos trechos planos.
- Após uma subida infernal, numa descida em single track com a galera toda no seu encalço, um marimbondo entra na sua camisa e gasta todo o estoque de veneno entre seu peito e sua barriga, e você sem conseguir parar a bike no cascalho.

Jun_ioRideR
Ver Drop Down
Ônibus passando a 3 cm do guidão.

Fábio chadid
Ver Drop Down
Isso é horrível. Você chega em casa com a bike dos sonhos e alguém te dá uma safanada na cabeça dizendo que perdeu o juízo não há coisa pior.

FOCA
Ver Drop Down
- Furar o pneu dianteiro no meio de uma descida monstro, parar sem cair, consertar e perceber que o traseiro também está furado.
- Tirar onda do seu amigo que ta consertando o pneu furado e perceber que o seu também está furado.
- Você parado ser derrubado pelo panga¹ (¹pangaré) que foi parar e não conseguiu desclipar o pé do pedal, já aconteceu comigo duas vezes com dois pangas¹ diferentes (acho que sou um alvo não é possível).
- Sair pra fazer aquele treino massa, andar 1 km ser derrubado por um panga¹ que tava zerando o cateye e não viu a curva, quebrar o cotovelo, ficar sem pedalar e trabalhar por 40 dias; foi foda!
- Voltar do hospital com o braço engessado, pegar a bike que ficou na casa de um tizinho que prestou socorro e descobrir que sua suspa sid race ta com o arco quebrado.
- Riscar o quadro novo no primeiro dia de uso.
- Cansado trocar a câmara de ar e não ver que a desgraçada não entrou direito, encher ate estourar.
- Tomar litros de água e hidrotônicos antes da corrida, perder maior tempo tendo que parar pra mijar, andar uns 10km e parar de novo pra arrumar o pneu que furou bem no pior lugar da prova.
- Fazer casar a corrente nova com o k7 velho dois dias antes da corrida.
- Encher pneu de speed.
- Perder os parafusos do taquinho.
- Nunca se lembrar de lavar a maça que você gosta de comer durante o pedal.
- Só se lembrar do óleo na corrente no meio da trilha.
- Levar um chão tentando colocar a luva.
- Levar um chão e furar a luva nova no primeiro dia, ainda bem que foi só a luva.
- Tentar esconder da mulher o quanto você gasta com peças. (Quem não faz isso?)

3 comentários:

Tom Bike disse...

Decidir não pedalar pq parece que vai chover, um amigo insistir. Durante o pedal sugerir um abort e o cara dizer, vai dar para driblar a nuvem. Andar mais ainda e acabar dando um abort no começo do maior pé d'água. Saindo da trilha, meia hora depois, abrir aquele super Sol ;)

Luiz Augusto disse...

Sair para pedalar e seu amigo abortar porque está chovendo....mass essa não é tão terrível, pois você pode ir sozinho...mas o pior é estar em uma corrida sofrendo para não se ro último e no downhill o powerlink solta....não use powerlink

Samuel disse...

O pior pedal que fiz na vida, começou bem. Pedalei uns 15 km até um hamburgueiro. Comi um hamburguer que caiu muito mal ! Na volta, passando mal do estomago precisando de banheiro a cada 500 m ! Foi trágico !